whos.amung.us

quarta-feira, 23 de março de 2011

A grande muralha

O que nos separa dos nosso reais instintos
Separa também as pessoas das demais
Porque ninguém mais se escuta direito?
Se a voz maior está aí dentro?

*


 Isso me lembra essa música do Lenine:



quarta-feira, 16 de março de 2011

Augusto dos anjos, o cara!

Augusto dos Anjos...um dos melhores poetas que conheço. 
Obsessivo, pra ele o amor se transforma em ódio, certas coisas repugnância mas mesmo assim, tem um lirismo característico, um lirismo surreal.
Aqui vai a minha preferida, e uma das poucas poesias que tenho guardada na cabeça e na alma:


"Vês! Ninguém assistiu ao formidável

Enterro de tua última quimera.
Somente a Ingratidão - esta pantera -
Foi tua companheira inseparável!




Acostuma-te à lama que te espera!

O Homem, que, nesta terra miserável,
Mora, entre feras, sente inevitável
Necessidade de também ser fera.




Toma um fósforo. Acende teu cigarro!

O beijo, amigo, é a véspera do escarro,
A mão que afaga é a mesma que apedreja.




Se a alguém causa inda pena a tua chaga,

Apedreja essa mão vil que te afaga,
Escarra nessa boca que te beija!"

segunda-feira, 14 de março de 2011

Ampulheta


Enquanto isso...
pensei em desistir
pensei em me lesar
pensei em me corrigir
pensei em me acorrentar
pensei que não conseguiria
pensei que minha poesia não valia a pena...
e pensei sofrendo em tudo isso
Daí vi que a alegria de viver 
era ser mais eu
era conseguir saber quem eu sou
e se fosse pra fazer algo "errado" que fosse sabendo que 
mesmo errado valeria a pena.
Espero que eu não me abandone mais
porque quem não sabe o que procura...
não entende quando encontra.
O tempo sacode a poeira 
Ou ao invés disso faz-se ampulheta
grão por grão vão se juntando e,
as imagens de cada grão fazem vida à imagem viva de cada grão.
Que sempre foi vida...mas eu não tinha visto.


sexta-feira, 11 de março de 2011

Ponderação

Quando você olha para o horizonte...sente que seu mundo é bem maior do que só um dia, do que só um lugar e do que só seu umbigo. Você pensa no bem que pode fazer e no mal que pode repensar...Faço um ensaio ao meu modo da minha vida e vejo que posso conseguir tudo o que realmente desejo. 
Antes desejava uma coisa...hoje desejo milhares...

quinta-feira, 10 de março de 2011

Cade a poesia?

Eu te peço perdão por não perdoar
Por ter esquecido a minha culpa junto de você
Me lembro de quando as coisas eram leves
e as feridas superficiais.
Não tenho mais minha alegria
Ela se foi com tua paz.

Reedição

Dois mil anos

Não existe como definir sentimentos. Ela parecia totalmente mergulhada numa só oração. Não ouvia mais o que sua consciência estava querendo dizer. Não ouvia nem a própria alma. Pegou então uma faca e simulou sua morte. Alguma coisa dizia que ainda não era hora de partir. Lembrou da morte daquele amigo próximo e cabisbaixa pediu perdão por ter pensado nisso, entretanto tais pensamentos fizeram revolução na sua mente. Meditou.
...

Mahal,
Não queira rotular seus sentimentos
Se o amor que sentem por você é isso
Não duvide que seja amor...

....

Nenhuma palavra alheia a fez refletir. Nenhuma pessoa queria seu bem, muito menos seu mal. O que ela tinha de errado?
Parou. Parou de pensar.
Mas ainda assim vinha em sua mente tudo o que havia acontecido. Se não fosse tão sincera tudo teria sido abafado. Tudo poderia estar bem.
Não.
As coisas tem que mudar.
Não existe vida onde se tem sentimentos duvidosos. A dúvida é negação. Já a negação afirma o contrário as vezes.
E ela sofrega, tensa e quieta se despede da sua fraudulenta atuação. Hoje ela quer sua ajuda. Sua própria ajuda.

....

Mahal,
Princesa do sorriso
Jogue fora tuas jóias e aceite o amor que ele te quer abençoar
Volte a sorrir tuas habilidades e esqueça os que te querem sofrer
Anoiteça
Amanheça
E abrace a si mesma com as circunstâncias mais bonitas.
Você já tem seu amor.

....

(...) não se despeça com saudade!

Eu fico triste quando chega o carnaval...ou quando ele se vai?



Carnaval...muito excesso, pouca roupa, muita sacanagem enrustida em propagandas de cerveja.
Carnaval? O melhor feriado pra se viajar...? Isto é, se você não morrer na estrada.
Pois é...o carnaval é uma via de mão dupla.
Diversão...catástrofes
Alegrias...tristezas
Cria-se toda uma atmosfera de que a coisa vai ser diferente...neste ano...se torce pra não morrer tanta gente, se torce pra escola de samba fulana de tal ganhar, se torce pra se fuder mais e pegar as mais gostosas do bloco.
Mas daí o tal do carnaval passa.
E o Brasil começa a querer funcionar?
Como assim?
Críticas a parte, o carnaval voltaaa, já to com saudade!

Dogma

5 Proposição apresentada como incontestável e indiscutível.


Desmistificando, parei meus olhos num ponto do horizonte. E alguma coisa dentro de minha alma dizia que tudo ia passar...ou mudar...ou...




*

Sentada na grama, lembrei da música, mas a frase que perseguia minha mente era: 
♫Mas "a dúvida é o preço da pureza"

É inútil ter certeza ♪

Pois era isso que estava vivendo.
Não havia certeza...
De nada
Talvez acreditasse que a vida poderia recomeçar...

terça-feira, 1 de março de 2011

Depressonite aguda

Admito 
O óbvio
Tenho medo
do medo
do precipício
E me rendo
Sofrimento...
Fito
o ego
me desapego 
do erro

Vida
menina
choro
desalento
que mais tem que acontecer?

Cadê a vida
menina?
sumiu
escafedeu?
meu deus
Cadê eu?
Não acho
a vida
Cegueira triste
Tristeza cega

A vida é linda
Não confunda
Mas eu confundi
E hoje estou
as margens 
do rio da vida
tentando me banhar...
Caracol
Me faz refletir:
eu estou aí?